Como projetar uma casa em 7 passos? Veja nossas dicas!

Como projetar uma casa

Siga o guia de 7 passos e descubra como projetar uma casa. Faça um projeto completo: estrutura, interiores, exteriores, mobiliário. Você tem ideias ambiciosas? Está na hora de colocá-las em prática. 

Veja como projetar sua casa em 7 passos

1. Estude a situação inicial

“Quero projetar minha casa”. Acontece a todos pensarem assim. Afinal, nossa casa é um lugar de carinho, prazer e descanso, tem um impacto enorme na qualidade de nossas vidas. Se você também teve esse desejo, aqui você encontrará informações essenciais sobre como projetar uma casa por conta própria.

Em primeiro lugar, comece com a análise da situação inicial: isso terá um impacto inevitável no projeto. No geral, para chegar à linha de chegada, você deve primeiro se preparar. Então, responda a essas perguntas: 

  • Você quer construir uma casa do zero ou reformar uma casa existente?
  • Você quer projetar interiores ou exteriores?
  • É uma única casa, um apartamento, uma casa geminada ou outra coisa?
  • Onde é a casa? No campo ou na cidade? Quais são as características do local?
  • Quais são os requisitos burocráticos a serem cumpridos?
  • O seu projeto está em conformidade com os regulamentos?

O projeto é viável? É economicamente sustentável?

Se você deseja projetar sua casa de forma totalmente independente, precisa estar ciente de todos os fatores que afetarão seus desejos, seus programas, suas necessidades. Mesmo que você precise contratar um profissional para ajudá-lo.

2. Encontre ideias e inspiração

Para criar sua casa, você precisa ser um bom observador. Olhe ao seu redor: o que você aprecia nas casas de outras pessoas e o que você não gosta? Você pode procurar ideias para o design da casa de várias maneiras: pesquisando na internet, lendo livros e revistas especializadas, observando o trabalho de arquitetos e designers de interiores.

3. Projetando uma casa do zero: a estrutura

Digamos que você possua um terreno para construção e queira saber como projetar uma casa do zero. O que você precisa fazer é seguir cuidadosamente estes 4 passos essenciais.

Defina a estrutura da casa: decida a forma e o tamanho; escolha quantos níveis deve ter (1, 2 ou mais), se houver um porão; pense no estilo que deseja adotar, por exemplo, moderno ou rústico.

Defina a subdivisão interna: identifique como organizar os cômodos, as dimensões e quais funcionalidades você deseja para cada ambiente.

Prepare um projeto áspero: desenhe o exterior da casa em papel ou em 3D, descreva os planos que deve ter, a aparência das fachadas e espaços abertos.

Passe do croqui para os desenhos técnicos: prepare os documentos oficiais do projeto da casa, aqueles que deverão ser entregues nos escritórios competentes para iniciar a obra.

Para elaborar os desenhos técnicos (projeções ortogonais projeto de sobrado com pé direito duplo e fachada moderna, alçado e corte) é necessário fazer cálculos técnicos relativos à segurança e funcionalidade da estrutura (fundações, pisos, paredes…), mas não só. 

Imagine que você representa o edifício em uma escala de 1:100 exatamente. Não é um trabalho para todos. Se você não conseguir fazer os cálculos para o design da casa, confie nos especialistas.

4. Escolha os materiais de construção mais adequados

Ao planejar uma casa, devem ser tomadas decisões que afetarão o estilo de vida da família, o desempenho da construção e também determinarão as despesas futuras. Por isso, é extremamente importante escolher sabiamente como construir ou reformar a casa: com qual técnica e com quais materiais?

Você pode confiar no método usual de casas de tijolos. Os materiais de construção são os clássicos: concreto armado, tijolos, aço. Ou você pode construir uma casa pré-fabricada de madeira, concreto, aço e vidro.

Projetar uma casa hoje significa, acima de tudo, pensar na segurança de quem mora nela e do meio ambiente que a cerca. Aqui, por exemplo, está o que você não deve desistir:

  • Construção anti-sísmica;
  • Alta eficiência energética ou auto-suficiência;
  • Durabilidade e adaptabilidade;
  • Otimização do espaço;
  • Respeito pelo meio ambiente, solo e recursos.

Se você gosta de acompanhar os tempos, pode considerar a arquitetura verde e as casas ecológicas: seria um ganho para a carteira e para os outros.

5. Avaliar instalações e tecnologias

Este ponto é amarrado duas vezes ao ponto anterior. Ao projetar a segurança e a funcionalidade da casa, certifique-se de que a escolha das instalações seja consistente com seus objetivos. Em resumo: escolha entre uma casa tradicional ou uma casa inteligente.

Você prefere piso radiante ou radiadores? Você está planejando instalar painéis solares ou fotovoltaicos? Quer um sistema de domótica, sistemas de controle a partir do seu smartphone ou com programação automática? Procura caixilhos de madeira tradicionais ou quer algo ultra-moderno?

6. Projetando o interior de uma casa

Definir por conta própria como projetar o interior da casa talvez seja uma tarefa mais simples. Existem muitos sistemas digitais que podem vir em seu auxílio. Você pode projetar a casa em 3D com simuladores gratuitos ou pagos. Você pode encontrá-los na forma de sites online, programas de computador ou aplicativos para smartphones e tablets.

Os programas para projetar a casa, os interiores e os móveis dão uma visão realista dos ambientes, e isso permite fazer uma configuração consciente dos espaços. Com a planta de sobrado com conceito aberto em mãos, faça o projeto de interiores da casa seguindo esta lista.

Número de espaços interiores, tipo e tamanho: sala de estar, sala, cozinha, banheiros, quartos, porão, escritório, sala de hobby e assim por diante.

Estilo da casa: clássico, moderno, rústico, industrial, chique, country, minimal, etc.

Cores e temas da sala: escolha a paleta de cores para cada sala, os materiais como azulejos ou papel de parede, os temas e tons dos móveis.

Tipo de mobiliário: paredes embutidas, estantes, móveis de sala, móveis de cozinha, louças sanitárias, camas, móveis de quarto, vários acessórios de mobiliário e decorações.

Sistemas: por exemplo, iluminação, aquecimento e ar condicionado, sistemas de videovigilância, alarmes, dispositivos de domótica…

Se você tem tantas dúvidas sobre como projetar sua casa ou apartamento, não hesite em entrar em contato com um designer de interiores, ele saberá a melhor maneira de criar um ambiente aconchegante e que alinha com suas ideias. 

7. Projetando o exterior de uma casa

Como você projeta um jardim? Para fazer design exterior, imagine os serviços que você gostaria. Poderá precisar de um lugar de estacionamento? Talvez você tenha espaço para construir uma piscina? Você pode querer um jardim?  Você pode gostar da ideia de um gazebo, pérgola, varanda ou terraço. Decida o que pretende alcançar e identifique os espaços exteriores ideais para cada serviço.

Essas dicas podem servir como base para você criar suas ideias. Mas lembre-se, sempre conte com a ajuda de um profissional, ele que irá conduzir da melhor maneira desde a construção até o design interior. Existem vários profissionais com preços que cabem no seu orçamento.