Como o marketing digital pode alavancar os negócios?

Como o marketing digital pode alavancar os negócios?

Que a tecnologia vem revolucionando o mundo em que vivemos, tanto na vida pessoal quanto profissional, já não é novidade para ninguém, o que poucos dominam é como o marketing digital faz parte dessa tendência toda.

De fato, engana-se muito quem pensa que o marketing é algo que só interfere na rotina das empresas e das maiores marcas. 

Na verdade, elas se esforçam justamente para que os investimentos na publicidade superem os muros da firma e atinjam o público.

Se isso já era assim na época do marketing offline, em que era preciso investir em panfletos, jornais e revistas, é ainda mais na era digital. Até mesmo a televisão e o rádio, que antes eram o cume da publicação, hoje enfraqueceram um pouco.

Isso também vem mostrar como o marketing digital deu início a uma época consideravelmente mais democrática em termos de divulgação. Se a empresa lida com bateria Moura clean, por exemplo, ela tem muitos mais recursos.

Afinal, antes apenas as grandes marcas chegavam a ter acesso real à televisão, que era o maior veículo de mídia do mundo, mesmo no caso de anúncios locais. Hoje a maior vitrine são os motores de busca e as redes sociais, que são bem diferentes.

Na televisão, nunca uma empresa que acabou de ser aberta, sem muitos recursos, poderia concorrer com outras. Já nas mídias sociais qualquer um pode fazer sua conta gratuitamente e começar a realizar postagens dos seus produtos.

O mesmo vale para os motores de busca, que ainda permitem um crescimento orgânico, com o famoso SEO (Search Engine Optimization), que faz justamente a Otimização de Páginas para Motores de Busca, como algo bem acessível.

Assim, a firma pode criar um blog e começar a escrever artigos gratuitos sobre a solução que seu produto ou serviço traz ao mercado. 

Com isso, cada vez mais internautas e leitores vão acessar o material e se interessar comercialmente pela empresa.

Tanto que artigos do tipo “Top 10 motivos para fazer reconstrução aréola micropigmentação” são os mais procurados, alcançando sempre um número crescente de pessoas, que com o tempo se tornarão leads e clientes.

Neste sentido, o marketing digital revolucionou também o antigo funil de vendas, que pela ótica dos compradores é a jornada de compra. 

Antes as empresas acabavam comprando leads e ligando para um por um, por meio do telemarketing.

Hoje o próprio blog e a presença nas redes já garantem que sempre vai ter alguém entrando em contato ou preenchendo os formulários para receber mais conteúdo, o que já permite trabalhar um número maior de possibilidades de negociação.

O modo como isso tudo pode alavancar as vendas e o seu negócio é algo incrível, por isso, achamos fundamental tratar deste assunto de maneira detalhada aqui. Para isso, é preciso compreender também alguns aspectos teóricos.

Sendo assim, além de dar dicas e conselhos bem práticos abaixo, sobre como exatamente implementar o marketing digital na sua própria empresa, também trazemos alguns temas mais conceituais que dão sustentação ao quadro geral.

Assim a empresa também não corre o risco de investir tempo e dinheiro de modo errado. Como uma clínica que lida com tratamento para infertilidade masculina e não quer perder tempo aprendendo na tentativa e erro.

Ao seguir um passo a passo do que exatamente fazer, como fazer e por que fazer, você já consegue pular algumas etapas. 

Afinal, uma coisa é verdade: se o marketing digital é democrático, ele também acabou aumentando a concorrência geral.

Embora não chegue a ser negativo, esse aspecto é fundamental de ser compreendido. 

Portanto, se agora qualquer empresa pode marcar presença nas maiores vitrines digitais do mundo, não surpreende que isso tenha saturado alguns segmentos.

Sendo assim, é preciso ir aprendendo como se diferenciar no meio da multidão, para que sua firma realmente marque presença de modo assertivo. Só assim você vai impactar as pessoas certas, do jeito certo e na hora certa.

O mais interessante é que hoje a esfera digital já evoluiu tanto, que não faz distinção entre modelos de negócio, ou mesmo entre segmentos, ou seja, qualquer nicho de mercado pode se beneficiar das dicas que detalharemos aqui.

Naturalmente, também é isso que aumentará seu negócio de maneira séria, sólida e sustentável. 

Até mesmo a receita e a lucratividade de uma clínica que faz exame histopatológico veterinário podem aumentar consideravelmente.

Desta forma, se o seu grande interesse agora é justamente mergulhar de cabeça em aspectos diferenciados de marketing digital, como algo que pode mudar a história do seu negócio, então basta seguir adiante até a última linha deste artigo.

O que é o marketing digital?

Até aqui já ficou claro que o marketing digital representa um oceano de possibilidades, sobretudo quando falamos sobre as redes sociais e os grandes motores de busca, como o Google, o Bing, o Yahoo e o Ask Brasil, os mais utilizados em nosso país.

Mas, há também outras frentes importantes que podem trazer resultados igualmente interessantes, como é o caso das lojas virtuais e dos marketplaces. 

Abaixo vamos detalhar essas alternativas, o que precisa ficar claro aqui é a base conceitual disso tudo.

Como a realidade online é diferente da realidade offline, podemos afirmar tranquilamente que o comportamento do público também mudou bastante. Sobretudo quando falamos das novas gerações de compradores.

Basicamente, hoje quando uma pessoa quer entender melhor sobre sistema de exaustão com lavador de gases, ela já não pede conselho para alguém ou espera o boca a boca. O que ela faz é pesquisar na internet.

Trata-se de uma geração que já cresceu com acesso ao computador, ao celular inteligente e à tecnologia de modo geral. 

Por isso, também é um pessoal mais bem informado e mais exigente, daí que sua marca precise se adaptar a isso.

Um passo fundamental para tanto é justamente fazer um Planejamento de Marketing completo, levantando dados como:

  • Onde meu cliente ideal se encontra?
  • Quais sites ele mais acessa?
  • Que tipo de conteúdo ele gosta de ler?
  • Quanto eu tenho de orçamento para impactar ele?
  • Quantos funcionários tenho na equipe?
  • O que meu cliente ideal adora em uma marca?
  • O que ele odeia que façam na negociação?

Enfim, são questionamentos que vão ajudar sua empresa a fazer o famoso benchmarking, que nada mais é do que um estudo de mercado. 

No caso, junto você vai investigar os pontos fortes e fracos do seu próprio negócio. Assim, vai ser bem mais fácil aplicar o marketing digital de modo realmente assertivo.

Ao responder essas questões você também já vai criando sua persona de público, ou seja, descobrindo os perfis de compradores que mais têm aderência com o seu negócio, para não perder tempo com quem não viria a comprar de você.

Reforce o funil de vendas

Definir os perfis da sua persona é algo importante, até para você não perder tempo e dinheiro com leads desqualificados, saber fazer a gestão dos leads bons é igualmente importante, o que só pode acontecer com a estratégia do funil de vendas.

No caso da estratégia digital, ela precisa levar em conta cada etapa do seu setor de marketing e do seu departamento de vendas, desde a pré-venda até o pós-venda.

Enfim, se você trabalha com lavagem de cadeiras, qual é exatamente o começo do funil? Provavelmente, a maioria das pessoas não sabe o quanto esse serviço é necessário, então você tem bastante espaço para criar conteúdos a respeito.

Depois dessa fase de atração de novos leitores e visitantes para o site, aí é que vem a geração de leads. Que é quando você consegue pegar os dados dessa pessoa, como o nome completo, o melhor e-mail dela e o número de celular.

Com isso a relação se aprofunda, então você dispara conteúdos ainda mais específicos. Assim que o lead estiver maduro, aí já é possível entrar com o departamento de vendas, negociando questões mais práticas como preços e prazos.

Portanto, veja como o marketing digital mudou consideravelmente a relação com os clientes em potencial, mudando radicalmente o funil de vendas em relação a como era vinte ou trinta anos atrás, antes da revolução digital em nossas vidas.

Todas as frentes junto

Outra dica de ouro é investir em todas as frentes digitais ao mesmo tempo, até você descobrir qual exatamente atende melhor o seu negócio.

Se a firma lida com tripa natural para linguiça, é bem provável que as plataformas de venda sejam mais promissoras. Mas, você pode se surpreender com as redes sociais, encontrando muitos clientes também ali.

Portanto, invista em todas as frentes que citamos acima, dos buscadores às redes sociais, da loja virtual própria às plataformas de venda dos marketplaces.

O digital é tecnológico

Por fim, não se esqueça de que falar em marketing digital é falar em tecnologia. Então, você já pode investir nisso desde o começo, como com os CRMs.

Sigla para Customer Relationship Management, com esses softwares quem vende urna cremação pode fazer a Gestão de Relacionamento com os Clientes.

Com o tempo, você perceberá como essa automatização vai aumentando seu controle sobre o seu marketing digital. Além de permitir um crescimento muito mais enxuto, otimizado e eficiente no médio e longo prazo.

Considerações finais

Sendo assim, com isso chegamos ao fim, tendo explicado em detalhes o que é o marketing digital, bem como as diferenças que ele traz em relação ao offline.

Também ficou claro como essas estratégias podem alavancar o seu negócio, desde que você leve em conta cada dica e conselho dado acima.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.