4 formas de cuidar da segurança do seu site

4 Formas de cuidar da segurança do seu site

Nos últimos anos ficou muito mais fácil de montar um site e tudo isso se deve a sistemas de gerenciamento de conteúdo como WordPress e Joomla. Então, se tem uma empresa de motores elétricos industriais, está esperando o que para fazer o seu?

Mas a responsabilidade pela segurança também está em suas mãos e muitos não sabem como torná-lo menos propenso a sofrer ataques. Quer dicas simples e eficazes para dificultar a ação dos criminosos? Então, vem com a gente!

Mantenha o software e os plug-ins atualizados

Existem inúmeros sites que ficam comprometidos devido a softwares desatualizados. Hackers procuram essa brecha para atacá-lo. É como se seu site estivesse com os dizeres: “eu não estou protegido” em letras enormes. 

As atualizações são vitais para a saúde e a segurança do seu site, caso contrário, você terá problemas. Leve todas as solicitações de atualização de software e plug-in a sério. Elas irão conter aprimoramentos de segurança e reparos de vulnerabilidades, assim o seu site de compressor de ar odontológico, por exemplo, ficará seguro com essas atualizações.  Algumas plataformas permitem atualizações automáticas, que é outra opção para garantir a segurança do site.

Adicionar HTTPS e um certificado SSL

Você precisa tanto de um URL seguro quanto de determinados tipos de ferramentas que precisam de uma empresa de calibração. Se os visitantes do seu site se oferecerem para enviar suas informações privadas, deverá apostar no HTTPS.

O que é HTTPS?

O Hypertext Transfer Protocol Secure é um protocolo usado para fornecer segurança na Internet. Ele impede que ocorram interceptações e interrupções enquanto o conteúdo está sendo usado. Para você criar uma conexão segura, seu site também precisa de um Certificado SSL. Se o seu site solicitar que os visitantes se registrem, é pertinente que tudo esteja criptografado.

O que é SSL?

SSL (Secure Sockets Layer) é outro protocolo necessário. Isso transfere as informações do visitante entre o site e seu banco de dados. O SSL criptografa as informações para evitar que outras pessoas as leiam durante o trânsito. Também não dá àqueles sem a devida autoridade a capacidade de acessar as informações.

Escolha uma senha inteligente

Com tantos sites, bancos de dados e programas que precisam de senhas, é difícil lembrar de todas elas. Muita gente acaba usando a mesma senha em todos os lugares, mas este é um erro de segurança significativo. Crie uma senha exclusiva, complexa e aleatória para cada login, em seguida, marque em algum lugar fora do diretório do site.

Por exemplo, você pode usar letras e números como senha. Guarde-as em um arquivo offline, um smartphone ou um computador diferente. Inserir sua data de aniversário ou qualquer informação pessoal dentro de sua senha é outro equívoco. 

Use um host seguro

Pense no nome de domínio do seu site como um endereço. Agora, pense no host como o “imóvel” onde seu site existe online. Como você pesquisaria um terreno para construir uma casa? Precisa examinar potenciais hosts para que mostrem este caminho. Muitos deles fornecem recursos de segurança que protegem melhor os dados de seu site.

Esperamos ter ajudado com essa postagem, caso tenha gostado do conteúdo, não se esqueça de compartilhar em suas redes sociais.
Este artigo foi produzido pela equipe do Soluções Industriais.